NOTA DE PESAR                                                



              

  A União dos Militares do Brasil, com pesar, lamenta o falecimento do seu associado, Sgt RRPM Sobrinho, vítima de acidente de trânsito ocorrido em 22/09 na cidade de São José do Egito. Neste momento difícil a UMB se solidariza e deseja força, coragem e muita união aos familiares e amigos.






Delegado Da Cunha promete delação premiada se for preso e manda recado para Doria

 


Afastado da Polícia Civil de São Paulo, o delegado Carlos Alberto da Cunha, 43, conhecido como Da Cunha, diz que agora é como o personagem Jack Bauer, do seriado "24 Horas".

"É Jack Bauer. É doido? Sou mesmo. Se não me deixam trabalhar com o distintivo, eu trabalho com a caveira do justiceiro, com Deus no coração e com a audiência de vocês." A afirmação foi feita durante uma live transmitida no Instagram e no canal do delegado no YouTube, nesta terça-feira (21).

No vídeo, que durou pouco mais de uma hora e chegou a mais de 11 mil pessoas acompanhando em tempo real, ele criticou o governador João Doria (PSDB), ameaçou o delegado-geral da Polícia Civil de São Paulo e voltou a se defender de processos contra ele que investigam enriquecimento ilícito com vídeos nas redes sociais de operações policiais.

A investigação é realizada pois, em tese, policiais não podem usar cargos públicos nem empregar bens e materiais da Polícia Civil para benefício próprio, conforme prevê a lei de improbidade administrativa. Ele já negou publicamente que tenha obtido ganho financeiro com postagens no YouTube, a não ser nos últimos meses, quando criou uma fundação.

Além disso, uma reportagem do jornal Folha de S.Paulo mostrou que, dentro do inquérito da Promotoria que apura suposto enriquecimento ilícito de Da Cunha, há depoimentos de policiais e vítimas de crimes que sustentam que ele inventou a prisão de um chefe do PCC e simulou operações nas ruas, sempre com o objetivo de gravar vídeos para o seu canal no YouTube.

Na live de terça, ele ironizou uma reportagem publicada pela revista Veja, segundo a qual Da Cunha fatura até R$ 350 mil. "Meu Deus, se eu ganhasse isso por mês, tava com as contas pagas já, resolvia em um mês a minha vida."

Da Cunha também voltou a comentar os inquéritos, disse que querem prendê-lo e que está com a mochila pronta caso a polícia apareça na sua casa.

"Não precisa chutar a porta, é só tocar a campainha que a gente abre. Agora, se esse crime acontecer, a volta vai se chamar delação premiada. Eu cometi algum crime? Não, mas eu sei de tanta coisa...", disse, sem especificar a que se referia. "Não tenho certeza absoluta porque ainda não investiguei, mas sei de se tanta coisa."

Da Cunha foi afastado do cargo em julho deste ano após a Corregedoria abrir uma série de procedimentos contra ele. Na sequência, o policial pediu licença sem vencimento e filou-se ao MDB para disputar um cargo eletivo. Com seus mais de 2 milhões de seguidores no Instagram, ele pensa em ser governador.

Durante a transmissão desta terça, Da Cunha disse que as investigações contra ele têm cunho político. "O Doria está com medo que esse preto aqui vire governador. É para me deixar inelegível. O medo do sistema é que um homem negro de 44 anos vire o governador do estado de São Paulo", disse.

Durante a maior parte do tempo da live, Da Cunha criticou Ruy Ferraz Fontes, delegado-geral da polícia de São Paulo, acusando-o de assédio moral e abuso de autoridade, além de afirmar que ele foi responsável por encaminhar documentos sigilosos à Folha de S.Paulo, que publicou reportagens sobre o delegado afastado.

"Eu vou fazer um vídeo demonstrando a sua ligação com a Folha de S.Paulo. Eu vou investigar se o senhor forneceu documentos sigilosos e isso vai caracterizar crime. Quem vai para a cadeia não sou eu, quem vai para a cadeira é você, Ruy", disse.

"O marketing que você faz contra a minha pessoa é tão bom que você vai fazer eu me tornar um Nelson Mandela brasileiro, e eu sou um prego", afirmou, ainda.

O delegado também ameaçou o chefe da instituição. "É melhor você me prender rápido. Se você não me prender e eu me tornar governador, eu nem sei o que vai acontecer contigo. Eu vou te colocar para trabalhar em um lugar que você seja útil", disse.

Da Cunha, agora, aposta em uma série de vídeos policiais a fim de realizar "reportagens investigativas para cobrar providências das autoridades".

"Eu vou para as ruas em nome do meu canal do YouTube, com meu carro particular, fazendo levantamento de crimes e denúncias. Depois, eu não posso efetuar a prisão, mas eu posso ligar 190, 197 ou chamar a Guarda Civil Metropolitana. Eu não estou trabalhando para a Polícia Civil de São Paulo, estou trabalhando para o povo brasileiro", disse.

PALAVRA DO DIA - VOCÊ CONSEGUE!

 

Salmos 121

Olho para os montes e pergunto: “De onde virá o meu socorro? ” O meu socorro vem do SENHOR Deus, que fez o céu e a terra. Ele, o seu protetor, está sempre alerta e não deixará que você caia. O protetor do povo de Israel nunca dorme, nem cochila. O SENHOR guardará você; ele está sempre ao seu lado para protegê-lo. O sol não lhe fará mal de dia, nem a lua, de noite. O SENHOR guardará você de todo perigo; ele protegerá a sua vida. Ele o guardará quando você for e quando voltar, agora e sempre.

Eu quero iniciar essa meditação dizendo para você: Fica Firme!

Eu não sei o que você está esperando em Deus, quais são os seus pedidos de oração, quais milagres você esta esperando, o que eu sei é que O TEU SOCORRO VAI VIR DO SENHOR!!! DEUS GUARDARÁ VOCÊ E O MAL NÃO VAI PREVALECER!

Pode ser que esses dias você tenha se sentido cansado e irritado, por isso eu quero te pedir algo…não se entregue a essa briga da carne contra o teu espirito. A carne quer desistir, mas o seu lado espiritual esta dizendo: Você consegue! A cada segundo que você fica firme é um passo que você dá, a cada momento que você permanece o mal tem que recuar. Esta tendo uma briga espiritual por tua causa e com Jesus a vitória é certa!

Hoje olhe para seus pedidos de oração, para todas as causas que estão parecendo impossíveis e diga para cada um deles: O MEU SOCORRO ESTÁ VINDO, O MEU SOCORRO VEM DO SENHOR!

Tenha um excelente dia!

Delegacia de Homicídios e DENARC realizam operação para prender membros de organização criminosa, em Garanhuns

 


A Polícia Civil de Pernambuco desencadeou na manhã desta quinta-feira (23), a 61ª Operação de Repressão Qualificada do ano, denominada “AZRAEL”, vinculada à Diretoria Integrada do Interior I – DINTER I e à Diretoria Integrada Especializada – DIRESP, sob a presidência dos Delegados Tatiane Rossi, Titular da 22ª Delegacia de Polícia de Homicídios – Garanhuns, unidade integrante da Divisão de Homicídios Agreste – DHA, e Paulo Bicalho, Titular da 8ª Delegacia de Repressão ao Narcotráfico, integrante do Departamento de Repressão ao Narcotráfico -DENARC.

A investigação foi iniciada em abril de 2021, com o objetivo de identificar e desarticular Associação Criminosa voltada à prática dos seguintes crimes: Homicídio, Tráfico de drogas, Receptação, Roubo e Comércio Ilegal de Arma de Fogo.

No dia de hoje, estão sendo cumpridos 03 (três) Mandados de Prisão e 04 (quatro) Mandados de Busca e Apreensão Domiciliar, expedidos pela Primeira Vara Criminal da Comarca de Garanhuns.

Na execução, estão sendo empregados 30 (trinta) Policiais Civis, entre Delegados, Agentes e Escrivães, e 20 (vinte) Policiais Militares.

As investigações foram assessoradas pela Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco – DINTEL e contaram com o apoio da Gerência de Inteligência e Segurança Orgânica – GISO/SERES.

Sertão da BA: Três elementos com maconha do "Patati Patatá" trocam tiros com a PM e acabam morrendo no confronto


Na tarde desta quarta-feira (22), poor volta das 16:00,, a guarnição do 4º PEL juntamente com a Guarnição de Motociclismo, com o intuito de coibir a criminalidade e o tráfico de drogas na região realizavam rondas no bairro das Populares da cidade de Uauá, no Sertão da Bahia.

Nas proximidades da BR-235 a Guarnição tipo 4 rodas adentrou em uma rua do bairro, foi recebida com disparo de arma de fogo por 3 elementos, sendo necessário, o revide à injusta agressão por parte do efetivo policial militar. Vindo os três meliantes a óbito no confronto.

Material apreendido:

▪1 Revólver Cal. 38 Marca Taurus, N° 550072 com três munições deflagradas e três intactas;

▪1 Revólver Cal. 32 Marca Taurus, N° 717369 com duas munições intactas e uma picotada;

▪1 Revólver Cal. 32 Marca Rossi, sem numeração, com duas munições deflagradas e uma picotada;

▪25 Papelotes de substâncias análogas à cocaína;

▪13 Trouxas de substâncias análogas à pedras de crack;

▪17 Trouxas de substâncias análogas à maconha com inscrição "Patati Patata";

▪4 Cédulas de R$2,00 e 2 moedas de R$0,25, totalizando R$8,50;

▪4 Aparelhos celulares, a saber, 1 marca Motorola e 3 marca Samsung.

Lula mantém diferença para Bolsonaro e continua na liderança na corrida presidencial, aponta Ipec

 


O ex-presidente Lula (PT) continua na dianteira na corrida pela cadeira do Palácio do Planalto em 2022 e se manteve com a mesma diferença de 25 pontos percentuais para o segundo lugar, o atual presidente Jair Bolsonaro. Enquanto o petista tem 48% das intenções de voto, Bolsonaro tem 23%, segundo a pesquisa Ipec divulgada na noite desta quarta-feira (22).

Caso as eleições fossem hoje, o petista venceria no primeiro turno, já que soma 11 pontos percentuais a mais do que todos os outros concorrentes juntos.

Melhor colocado entre os que tentam se fortalecer como terceira via na disputa, o ex-ministro Ciro Gomes aumentou discretamente de 7% para 8% desde o último levantamento realizado em junho. Atrás dele, com 3% das intenções de voto, o governador de São Paulo, João Dória, aparece como o único tucano incluído na pesquisa, empatado tecnicamente com o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.
 
Todos eles aparecem com menos possibilidade de votos do que brancos e nulos, que representam 10% do total.

Em um cenário com mais candidatos apresentados aos entrevistados, Lula tem 45% das intenções de voto e Bolsonaro é o preferido de 22%. Mesmo assim, o ex-presidente aparece no limite de margem de erro para levar já no primeiro turno.

Ciro aparece com 6%, quase empatado com ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, com 5%. O apresentador José Luiz Datena foi indicado por 3% dos entrevistados e Dória tem 2%, enquanto 9% diz que votaria branco ou nulo.

Ala do PT pede para Lula abandonar defesa da regulação da mídia


A regulação da mídia que voltou a ser defendida pelo ex-presidente Lula não é consenso no PT. Nas últimas semanas, algumas lideranças da sigla procuram o petista para pedir que ele abandone o discurso.

Uma das lideranças do partido que fizeram o pedido a Lula foi o atual presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), deputado estadual André Ceciliano.

A interlocutores o comandante da Alerj avaliou que a defesa da regulação da mídia seria um “tiro na cabeça” do ex-presidente na campanha eleitoral de 2022.

O tema foi defendido por Lula e pela ex-presidente Dilma Rousseff quando comandavam o Palácio do Planalto, mas nunca avançou nos 14 anos em que o PT esteve no poder.